Energia elétrica ajuda a modernizar setor primário

03 de Novembro
Landmeier (e) mostra gerador da propriedade

Landmeier (e) mostra gerador da propriedade


Seja nos centros urbanos ou no interior, a energia elétrica está cada vez mais inserida no cotidiano das pessoas. Ela é uma das principais engrenagens que movem o desenvolvimento socioeconômico, permitindo a modernização e alavancagem dos mais variados setores. Um bom exemplo é o agronegócio, onde a energia não pode faltar em nenhum momento. Tanto os sistemas mais convencionais de produção primária, como a criação de aves, leite e suínos, quanto os métodos alternativos, como o agroindustrial, necessitam de uma estrutura energética confiável e de elevada qualidade.

Em Linha Berlim, West-fália, esta realidade pode ser comprovada. O agricultor Dário Landmeier, 61 anos, diz que a energia elétrica é essencial para a sua produção: 60 mil frangos, 380 suínos e 21 cabeças de gado leiteiro. Ele considera a energia tão importante quanto o apoio que recebe do sogro Eduardo e do filho Fábio, que o auxiliam na administração da propriedade. “Sem eletricidade, não conseguiríamos fazer praticamente nada, pois tudo depende dela hoje”, assinala.

 

Dark House

Dos 60 mil frangos, 30 mil são criados pelo sistema Dark House (Casa Escura), que consiste na combinação de um específico programa de luz com um adequado programa de ventilação. As aves, neste sistema, passam a maior parte de seu confinamento em um ambiente escuro, sem contato com a luz natural. “A intensidade da luz no galpão, feita de forma artificial, é controlada de acordo com a idade das aves, por meio de um programa específico e de um controlador digital (Dimmer)”, explica o produtor.

Entre as vantagens do sistema Dark House, está a condução de lotes com luminosidade controlada, permitindo maior densidade de aves por metro quadrado de galpão, mantendo as aves mais calmas, evitando assim dermatoses (lesões na pele). Num ambiente controlado do início ao final do lote, permite melhor conversão alimentar e ganho de peso, propiciando um melhor resultado zootécnico e maior retorno financeiro à empresa e produtores.

No que tange à qualidade da energia elétrica, Landmeier instalou um gerador para assegurar que eventuais quedas de luz não prejudiquem a produtividade. “Dificilmente falta energia elétrica, mas, até por orientação que recebemos da Cooperativa Languiru, optamos pela aquisição de um gerador”, menciona.

 

Cooperativismo

Landmeier enaltece o significado que o cooperativismo tem para o bom desenvolvimento da sua produção. A energia elétrica de qualidade é fornecida pela Certel Energia, a assistência técnica é feita pela Cooperativa Languiru e o investimento foi financiado pela Sicredi Ouro Branco. “Nossa região é muito bem servida pelo modelo cooperativista, que dá condições para nos fortalecermos dentro do setor primário”, avalia.

O vice-presidente da Cooperativa Languiru, Renato Kreimeier, reitera a contribuição que um sistema confiável de energia elétrica pode dar ao setor agropecuário. Ela é decisiva, possibilitando a adoção de uma tecnologia como o Dark House, que torna o serviço do produtor mais eficiente. “A avicultura deve ser moderna e competitiva, e a utilização de geradores é ideal para manter um alto nível de qualidade. Na área da Certel Energia, podemos incentivar esta revolução tecnológica com tranquilidade”, recomenda.

 

Orientação

Segundo o gerente comercial da Certel Energia, Ernani Aloísio Mallmann, é importante que os produtores implantem um gerador na propriedade, o que evita prejuízos na produção. “Também é recomendável que o agricultor informe a distribuidora quando pretender instalar novos equipamentos, o que aumentará o consumo de energia. Assim, a cooperativa terá tempo hábil de executar as obras necessárias para que a unidade consumidora tenha energia elétrica de qualidade”, assinala.

Contudo, a instalação de gerador que supra de forma automática a unidade consumidora na falta de energia da distribuidora é fundamental para esta modalidade de criação de frangos. “A cooperativa não tem como garantir a energia em 100% do tempo, tendo em vista que as quedas de luz também ocorrem devido à interrupção das concessionárias que suprem a Certel Energia”, conclui.

Email

GALERIA DE IMAGENS

NOSSA HISTÓRIA

Uma história de cooperativismo construída por homens idealistas e empreendedores.

RECONHECIMENTO PÚBLICO

A Certel vem recebendo o reconhecimento por sua atuação na gestão dos seus negócios e nas comunidades onde está inserida.

INCENTIVO AO ESPORTE

A Certel estimula a qualidade de vida de seus associados e familiares, promovendo interações interação com as comunidades.

CORAL CERTEL

Constituído por colaboradores da cooperativa, o Coral Certel envolve talentos musicais de todas as áreas.

RSPONSABILIDADE SOCIO AMBIENTAL

A Certel participa de ações sociais, ambientais, educacionais e culturais direcionadas aos associados, familiares e comunidade em geral.

XOQUINHO

O Xoquinho é um grande amigo da garotada e é um dos mascotes mais requisitados para eventos na região.


Certel


Certel - Todos os direitos reservados ® Brivia