Empresários teutonienses conhecem geração de energia da Certel em harmonia ambiental

03 de Agosto
Visitantes em frente à casa de máquinas

Visitantes em frente à casa de máquinas


No dia 30 de julho a CIC Teutônia, em parceria com a Certel, promoveu visita técnica à Hidrelétrica Salto Forqueta, em Putinga. Destinada a empresários de Teutônia e região, o evento, gratuito, contou com a participação de 26 pessoas.

A visita foi acompanhada e orientada pelo presidente da Certel e vice-presidente da CIC, Egon Hoerlle, que fez questão de integrar o grupo e apresentar detalhes da estrutura, histórico da construção e de novos investimentos da cooperativa.

O roteiro iniciou no mirante, passando pela barragem, galeria de inspeção, canal de transposição de ictiofauna, trilha ecológica, chaminé de equilíbrio e canal de adução, subestação, casa de máquinas e centro de visitação.

A Hidrelétrica Salto Forqueta, cuja obra foi iniciada em 19 de fevereiro de 2001 e concluída 21 meses depois, é uma das mais modernas do Rio Grande do Sul e é um marco no setor cooperativo. A estrutura conta com duas turbinas hidráulicas de 3190kW de potência cada e dois geradores com potência unitária de 3800kVA, capazes de gerar energia média anual de 32.197.380kWh.

Instalada no Rio Forqueta, que integra a Bacia Hidrográfica do Taquari-Antas, o reservatório chega a 28,5m de profundidade máxima, com barragem de 175,43m de comprimento. Além do comando efetuado por profissionais técnicos sediados junto à hidrelétrica, a Salto Forqueta também está equipada com sistema de telecomando a distância, a partir do Centro de Operações do Sistema, localizado em Teutônia, com transmissão de dados via satélite. Todas as operações e informações estão disponíveis no computador dos operadores a 90Km de distância da hidrelétrica.

O investimento da Certel, compreendendo usina, redes de interligação de 69kV de 62,5Km de extensão e subestação rebaixadora de Canudos do Vale, foi de R$ 15,5 milhões. No local, a cooperativa, em parceria com a Univates, desenvolve diferentes programas ambientais com o objetivo de minimizar impactos, como salvamento da flora e fauna local, reposição florestal, construção de orquidário e desenvolvimento de programas de educação ambiental.

Após o tour, o grupo participou de almoço servido pela Certel e acompanhou vídeo institucional. Fazendo uso da palavra, Hoerlle falou sobre perspectivas do setor elétrico. “O consumo de energia elétrica é um indicador muito importante sobre o desempenho da economia. Neste sentido, com o Brasil prevendo crescimento de 6% ao ano, certamente vai faltar energia. Por isso é cada vez mais necessário o investimento na geração de energia elétrica e a Certel está fazendo a sua parte, sempre cultivando o envolvimento e o comprometimento com a comunidade regional e a harmonia ambiental”, concluiu.

TEXTO E FOTO  – Leandro Augusto Hamester

Email

GALERIA DE IMAGENS

NOSSA HISTÓRIA

Uma história de cooperativismo construída por homens idealistas e empreendedores.

RECONHECIMENTO PÚBLICO

A Certel vem recebendo o reconhecimento por sua atuação na gestão dos seus negócios e nas comunidades onde está inserida.

INCENTIVO AO ESPORTE

A Certel estimula a qualidade de vida de seus associados e familiares, promovendo interações interação com as comunidades.

CORAL CERTEL

Constituído por colaboradores da cooperativa, o Coral Certel envolve talentos musicais de todas as áreas.

RSPONSABILIDADE SOCIO AMBIENTAL

A Certel participa de ações sociais, ambientais, educacionais e culturais direcionadas aos associados, familiares e comunidade em geral.

XOQUINHO

O Xoquinho é um grande amigo da garotada e é um dos mascotes mais requisitados para eventos na região.


Certel


Certel - Todos os direitos reservados ® Brivia