Página Inicial - - Detalhe

PCH Cazuza Ferreira é a única empresa gaúcha a vender energia em leilão da Aneel

05 de Maio | Geração de Energia Publicado em Geração
Vista aérea da pequena central hidrelétrica

Vista aérea da pequena central hidrelétrica

Localizada no Distrito de Cazuza Ferreira, em São Francisco de Paula, e com 9,1 megawatts (MW) de potência instalada, com capacidade para atender a 30 mil pessoas, a Pequena Central Hidrelétrica (PCH) Cazuza Ferreira foi o único empreendimento gaúcho a comercializar energia no primeiro leilão de 2016 de energia nova A-5, promovido pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) na última sexta-feira, dia 29. O megawatt-hora (MWh) foi comercializado ao preço de R$ 189,15.
Segundo o presidente da Certel, Erineo José Hennemann, o excelente desempenho da hidrelétrica, a forma como foi construída, o prazo de construção e o orçamento de acordo com o cronograma, deram condições para um preço mais competitivo, contribuindo para a modicidade tarifária, em relação aos outros 88 empreendimentos de energia já construídos ou a serem implementados no Rio Grande do Sul habilitados a disputar o leilão. “Foi um bom negócio e temos muito a comemorar, pois isso nos dá a sensibilidade de que o mercado está comprador. É um dos melhores empreendimentos hidrelétricos executados no Estado, cujo custo-benefício tem retorno mais rápido, além de ser uma energia limpa e renovável”, observa, destacando a sociedade entre Certel, Coprel e Geopar.
O contrato, que engloba 25% do volume de energia disponibilizado pela PCH Cazuza Ferreira, vigora a partir de 1º de janeiro de 2021. Até lá, a energia gerada pela usina será fornecida para o mercado livre, ambiente composto por grandes consumidores que podem escolher de quem vão comprar a energia. “O restante continuará sendo destinado ao mercado livre ou a outros leilões que atendam ao sistema elétrico nacional”, complementa Hennemann.

Contratação
O leilão terminou com a contratação de 49.206.048 MWh de 29 empreendimentos, sendo oito usinas térmicas movidas a gás natural e biomassa localizadas nos estados de Goiás, Maranhão, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais e São Paulo; 20 PCH’s do Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso, Minas Gerais, Paraná, Rio Grande do Sul, Rondônia e Santa Catarina; e uma usina hidrelétrica (UHE) localizada no estado do Paraná.
A potência total das usinas licitadas representa 278,471 MW, com 158,1 MW médios de garantia física. O preço médio de venda de energia desses empreendimentos foi de R$ 198,59/MWh, que representou um deságio médio de 8,65%.
O preço médio de venda de energia do produto por quantidade (PCH’s e UHE’s) foi de R$ 175,80 por MWh, com deságio de 22,55%. Para o produto por disponibilidade térmica a gás natural, o preço médio foi de R$ 258/MWh, com deságio médio de 11,03% em relação ao preço-teto, de R$ 290/MWh. Já o preço do produto por disponibilidade térmica biomassa ficou em R$ 235,95, com deságio médio de 5,99% em relação ao inicial de R$ 251/MWh.

Email

GALERIA DE IMAGENS

HIDRELÉTRICA SALTO FORQUETA

Com potência instalada de 6.124 kW, a Hidrelétrica Salto Forqueta está localizada entre os municípios de São José do Herval e Putinga.

HIDRELÉTRICA BOA VISTA

Para valorizar recursos locais e estimular o aproveitamento de estruturas já existentes, a Certel inaugurou a Hidrelétrica Boa Vista.

HIDRELÉTRICA RASTRO DE AUTO

A construção da Hidrelétrica Rastro de Auto, entre os municípios de Putinga e São José do Herval, em sociedade com a empresa paranaense Electra.


Certel


Certel - Todos os direitos reservados ® Brivia