Região terá menos riscos de racionamento neste verão

05 de Dezembro
Recapacitação amplia qualidade da energia

Recapacitação amplia qualidade da energia


A chegada do verão deve, a exemplo do ano passado, ocasionar um elevado consumo de energia elétrica. Para evitar que ocorram percalços nesse sentido, principalmente as temidas interrupções no fornecimento, um importante investimento foi realizado pela Companhia Estadual de Energia Elétrica (CEEE), na linha de transmissão de 69.000 volts que interliga as subestações da companhia e da AES Sul, em Lajeado, que suprem também a Certel Energia e a subestação da AES Sul de Encantado.

Com esta recapacitação, a linha, que antes tinha capacidade para 54.000 kilovolts/ampere (kVA), passou a ter 84.000 kVA, ampliando substancialmente a potência de transporte da energia elétrica que é distribuída no Vale do Taquari. “Ou seja, neste verão, ela vai trabalhar ‘com folga’ para que realmente não haja risco de racionamento na região”, assinala o engenheiro eletricista Ernani Aloísio Mallmann, gerente comercial da Certel Energia.

 

Alimentadores

Além do aumento da capacidade das linhas de transmissão que fornecem energia elétrica às subestações rebaixadoras de 69.000 volts para 23.100 volts ou para 13.800 volts, segundo Mallmann, há necessidade de investimentos em alimentadores para levar energia às localidades mais distantes. “Com redes elétricas de capacidade mais elevada, as quedas de tensão serão menores e, como consequência, haverá melhor qualidade de energia elétrica aos consumidores”, menciona.

 

Série de ações

No verão passado, essa limitação de carga que é causada pelas altas temperaturas provocou uma série de ações para que a população não tivesse o fornecimento de energia afetado. A própria Certel teve de entrar em maior operação com a Hidrelétrica Salto Forqueta, e uma série de unidades consumidoras industriais com geração a diesel tiveram que ser acionadas para reduzir o consumo. “Houve também a transferência de carga entre as subestações de Lajeado para que a potência nominal não fosse ultrapassada”, acrescenta.

 

Automatização

Outro investimento relevante foi feito pela Certel Energia, que instalou quatro chaves seccionadoras de 69.000 volts motorizadas nas suas quatro subestações (Teutônia, Lajeado, São Pedro da Serra e Canudos do Vale), permitindo o acionamento à distância e o aumento da segurança operacional. “Esta melhoria permite que o trabalho seja automatizado e não mais manual, oferecendo maior segurança às equipes e agilidade na resolução de eventuais problemas na distribuição”, acentua Mallmann.

 

Email

GALERIA DE IMAGENS

NOSSA HISTÓRIA

Uma história de cooperativismo construída por homens idealistas e empreendedores.

RECONHECIMENTO PÚBLICO

A Certel vem recebendo o reconhecimento por sua atuação na gestão dos seus negócios e nas comunidades onde está inserida.

INCENTIVO AO ESPORTE

A Certel estimula a qualidade de vida de seus associados e familiares, promovendo interações interação com as comunidades.

CORAL CERTEL

Constituído por colaboradores da cooperativa, o Coral Certel envolve talentos musicais de todas as áreas.

RSPONSABILIDADE SOCIO AMBIENTAL

A Certel participa de ações sociais, ambientais, educacionais e culturais direcionadas aos associados, familiares e comunidade em geral.

XOQUINHO

O Xoquinho é um grande amigo da garotada e é um dos mascotes mais requisitados para eventos na região.


Certel


Certel - Todos os direitos reservados ® Brivia