Hidrelétrica Salto Forqueta

Com potência instalada de 6.124 kW, a Hidrelétrica Salto Forqueta está localizada entre os municípios de São José do Herval e Putinga. Em fevereiro de 2001, no aniversário de 45 anos da Certel, com a presença do governador do Estado, Olívio Dutra, foi formalizado o contrato de financiamento com o BRDE.

Após 21 meses, a hidrelétrica foi concluída. A geradora é uma das mais modernas do Rio Grande do Sul, um marco no setor cooperativo e um referencial quanto à profissionalização para construção de hidrelétricas.

A hidrelétrica está equipada com sistema de telecomando à distância, a partir do Centro de Operações do Sistema sediado em Teutônia, com transmissão de dados via banda larga. Todas as operações e informações estão à disposição dos operadores, a 90 quilômetros de distância da usina.

Salto Forqueta também é um exemplo de comprometimento da Certel com a preservação ambiental. A partir de parceria realizada com o Centro Universitário Univates para os projetos ambientais da usina, houve uma construção científica no que tange às medidas mitigatórias, gerando produtividade científica.

A implantação de uma Área de Proteção Ambiental de 45 hectares foi realizada como medida compensatória aos impactos ambientais da obra. Paralelamente, foram distribuídas para mais de 40 produtores rurais mudas de erva-mate, possibilitando elevar o nível socioeconômico da região. A importância desta reposição foi reconhecida pela Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB), pelo Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo (Sescoop) e pela Revista Globo Rural, que, em 2007, concederam à Certel o prêmio Cooperativa do Ano – Ramo Infraestrutura.

Um canal de ictiofauna, também conhecido como escada de peixes, foi construído para não interferir na reprodução, principalmente em épocas de piracema.