Audiências com prefeituras estreitam relações com Certel e Certel Energia

29 de Agosto
Audiência em Teutônia

Audiência em Teutônia

Nos últimos dois meses, o presidente da Certel e da Certel Energia, Egon Édio Hoerlle, e o vice-presidente, Erineo José Hennemann, iniciaram uma série de audiências com prefeitos e vice-prefeitos de municípios com maior número de consumidores, atendendo à prática comum que ocorre depois das eleições municipais. O objetivo é promover um trabalho conjunto de efetiva parceria com as administrações municipais no decorrer dos atuais mandatos, com a prestação de um serviço confiável e de boa qualidade na distribuição de energia elétrica e demais serviços aos associados.

Barão

Para o vice-prefeito de Barão, José Flach, a aproximação reflete a preocupação das cooperativas em oferecer um atendimento qualificado. “Este contato pessoal é importante para que ocorram avanços principalmente no fornecimento de energia, atendendo ao nosso crescimento industrial e às necessidades dos associados. Prova disso é uma empresa de lareiras do exterior que escolheu Barão para implantar uma unidade industrial graças à ótima infraestrutura energética que possuímos. Serão R$ 3 milhões de faturamento anual e geração de aproximadamente 100 empregos”, afirmou. “A diversificação de atividades, com lojas que realizam um bom atendimento, um provedor de internet que leva o sinal para as localidades do interior, entre outras, é vital para que nossa população tenha qualidade de vida e seja feliz”, completou.

Boqueirão do Leão


O prefeito de Boqueirão do Leão, Luiz Augusto Schmidt, avaliou a reunião como importante por visar ao desenvolvimento do município. “A grande fatia que recebe a energia elétrica da cooperativa está muito satisfeita. Estamos pleiteando a instalação de um novo poço artesiano da Corsan em área da Certel Energia, para garantir o abastecimento hídrico a uma localidade do interior que, até então, tem seu poço em área de outra distribuidora e sofre com a falta de água”, frisou.

Schmidt, que quando estudante visitou o viveiro de mudas da cooperativa, também enalteceu a responsabilidade socioambiental da empresa. “O desenvolvimento deve sempre estar atrelado a uma boa gestão ambiental, e vimos que a Certel Energia o faz muito bem”, mensurou. O prefeito ainda citou a campanha Mãos Dadas com a Saúde, que destina, através de doações na conta de energia, recursos para o Hospital Doutor Anuar Elias Aesse.

Teutônia

O prefeito Renato Airton Altmann destacou a importância do cooperativismo para a economia de Teutônia, pela sua relevância histórica e contribuição à pujança do município. “Teutônia é a terra do cooperativismo, com exemplos em diferentes setores, dentre eles a Certel, que há 57 anos está presente fornecendo energia elétrica para os associados”, comentou. Altmann também enfatizou as diversas parcerias que a Certel mantém com as comunidades da região.

Gramado Xavier

“Foi uma visita que nos causou muito orgulho, pois sempre tivemos a cooperativa como uma grande parceira”, sublinhou o prefeito de Gramado Xavier, Airton Berté. “Na área abastecida pela Certel Energia, temos uma posteação totalmente de concreto, o que garante um excelente fornecimento aos nossos munícipes. Queremos conhecer a sede, em Teutônia, para que novas parcerias possam surgir”, disse.

Berté considera a energia da cooperativa essencial para o setor agrícola, como as estufas de tabaco, que contam com uma tecnologia cada vez mais evoluída, e a produção leiteira, visto que o município está participando do programa Leite Gaúcho. “Nossos moradores sempre observam como seria bom se todo o município fosse abastecido pela cooperativa. Outro grande sonho que ainda se realizará é a usina hidrelétrica da Certel que será construída na Bacia do Rio Pardo, cuja casa de força se localizará as nossas margens e reverterá em incremento da nossa economia”, relatou.

Poço das Antas

Glicério Ivo Junges, prefeito de Poço das Antas, destaca que a audiência serviu também para que o poder público reivindicasse a transformação de redes monofásicas em trifásicas, e também a atuação do provedor CertelNET no município, o que já está no planejamento das cooperativas. “O produtor que precisa de mais energia vai produzir mais e, consequentemente, dará um retorno maior ao município. Já o acesso ao mundo virtual é uma necessidade que se torna cada vez mais latente, e somente a cooperativa pode nos auxiliar neste sentido”, pontuou.

Junges citou que a maior empresa de Poço das Antas, o frigorífico de suínos da Cooperativa Languiru, levou em consideração a confiabilidade no fornecimento energético para se instalar no município. “Temos uma economia essencialmente agrícola, com 80% da arrecadação advinda deste tão importante setor. As ações das cooperativas são um alicerce ao desenvolvimento poçoantense”, comentou.

Progresso

Segundo o prefeito de Progresso e presidente da Associação dos Municípios do Vale do Taquari (Amvat), Edegar Cerbaro, esta aproximação é habitual, até porque as demandas acontecem e essa interação faz com que a cooperativa tenha uma boa atuação. “Temos empresas interessadas em se instalar em nosso território, e sabemos que a Certel Energia é nossa parceira. Quanto ao abastecimento dos empreendimentos rurais, a cooperativa contribui sensivelmente para manter a produtividade e evitar o êxodo”, afirmou.

Cerbaro evidenciou ainda a atuação da Loja Certel, que executa um atendimento atencioso e cordial, sempre atenta às necessidades dos progressenses. “Recentemente, fomos abrilhantados pelo Concerto Didático do Coral Certel, que detalhou para a comunidade o funcionamento do canto coral. Agora, seremos também contemplados com o projeto Conhecendo o Peso Leve, que ajudará para que tenhamos uma boa reeducação alimentar”, enfatizou.

Salvador do Sul

“Através da Certel e da Certel Energia, conseguimos sentir a diferença entre uma cooperativa e uma empresa privada”. A comparação é do vice-prefeito de Salvador do Sul, Paulo Zílio, que lamenta o fato de a cooperativa não contemplar a totalidade do município. “Em Linha Comprida, onde resido e a Certel Energia infelizmente não está presente, passamos horas sem energia elétrica, enquanto que os associados da cooperativa nas demais localidades contam com um fornecimento ágil e confiável, sem grandes interrupções”, disse.

Para Zílio, a atuação da Certel, através da loja situada no centro, e da Certel Energia, em grande parte do município, é importante para que Salvador do Sul complete, no próximo dia 9 de outubro, seus 50 anos de fundação, cuja comemoração transcorrerá com a 10ª Festur, de 13 a 17 de novembro. “São duas cooperativas comprometidas com o bem-estar dos munícipes e com a pujança de nossa economia, mantida principalmente pelo setor agrícola”, endossou.

São Pedro da Serra

De acordo com Ari Weschenfelder, prefeito de São Pedro da Serra, a audiência foi proveitosa por aproximar as cooperativas do município. “Sabemos que nossa infraestrutura energética é de qualidade, com redes em perfeitas condições, uma equipe de plantões eficiente e uma subestação rebaixadora situada em nosso território. Isso vem ao encontro do desenvolvimento, porque podemos garantir confiabilidade a novas indústrias e empresas que irão se instalar, como a Ortobras e a Incopave”.

Para Weschenfelder, os constantes investimentos em melhorias da rede elétrica geram um grande benefício para os agricultores, que podem produzir tranquilamente. “Esta energia fortalece o município, pois impulsiona o crescimento de todos os setores”, mencionou.

Westfália

“Todas as cooperativas presentes em Westfália são essenciais, pois realizam um trabalho exemplar em diferentes ramos. E, no caso da infraestrutura energética, somos privilegiados”, afirma o prefeito, Sérgio Marasca. O dirigente avalia como positiva esta interação entre poder público e as cooperativas, o que contribui para desenvolver ainda mais o município.

Marasca considera que as atividades desempenhadas pela Certel e pela Certel Energia auxiliaram para que Westfália se tornasse pujante. “Dependemos de um bom fornecimento de energia, pois nossa economia gira em torno do segmento rural, principalmente da avicultura. E os pisos intertravados da Certel Artefatos de Cimento já estão sendo utilizados em nosso calçamento”, relatou.

Email

GALERIA DE IMAGENS

NOSSA HISTÓRIA

Uma história de cooperativismo construída por homens idealistas e empreendedores.

RECONHECIMENTO PÚBLICO

A Certel vem recebendo o reconhecimento por sua atuação na gestão dos seus negócios e nas comunidades onde está inserida.

INCENTIVO AO ESPORTE

A Certel estimula a qualidade de vida de seus associados e familiares, promovendo interações interação com as comunidades.

CORAL CERTEL

Constituído por colaboradores da cooperativa, o Coral Certel envolve talentos musicais de todas as áreas.

RSPONSABILIDADE SOCIO AMBIENTAL

A Certel participa de ações sociais, ambientais, educacionais e culturais direcionadas aos associados, familiares e comunidade em geral.

XOQUINHO

O Xoquinho é um grande amigo da garotada e é um dos mascotes mais requisitados para eventos na região.


Certel


Certel - Todos os direitos reservados ® Brivia