Lançamento oficial do Fórum Tecnológico do Leite reúne parceiros e imprensa

19 de Maio | Certel Energia Publicado em Certel Energia
Parceiros e os demais presentes brindaram

Parceiros e os demais presentes brindaram

Programação foi apresentada na noite de 18 de maio, no Mini Auditório do Colégio Teutônia

Ontem à noite, ocorreu o lançamento do Fórum Tecnológico do Leite – 10ª Edição e Feira Agro Comercial – 6ª Edição, eventos promovidos nos dias 21 e 22 de setembro pelo Colégio Teutônia e parceiros.
O lançamento ocorreu durante evento realizado no Mini Auditório do educandário, que contou com a participação de parceiros, apoiadores, imprensa, integrantes da comissão organizadora, líderes de turma da Educação Profissional do CT e professores.
O diretor do Colégio Teutônia, Jonas Rückert, saudou a presença de todos e ressaltou o caráter técnico do Fórum. “Buscamos oferecer e transformar conhecimento em atividades práticas e, a partir disso, promover as pessoas por meio do conhecimento. A união de esforços na organização do evento é fundamental e qualifica a programação apresentada”, disse.
O vice-prefeito de Teutônia, Evandro Biondo, reforçou o papel social do leite. “Muitas famílias tiram o seu sustento da atividade leiteira. Hoje, Teutônia produz 34,6 milhões de litros de leite ao ano, conta com um rebanho de oito mil animais e mais de 600 propriedades envolvidas com a cadeia produtiva do leite”, revelou, elogiando a organização do Fórum e Feira Agro Comercial.
O gerente regional da Emater, Marcelo Antônio Brandoli, reafirmou a importância do evento. “A Emater valoriza muito esta programação. Em nove edições já realizadas, certamente já foram colhidos muitos frutos desse trabalho. Hoje, Westfália, Estrela e Teutônia estão entre os municípios que mais produzem leite por área no Brasil. O leite é a atividade mais trabalhada pela Emater na região, que gera cerca de R$ 1 bilhão para a economia na Regional Lajeado, com 55 municípios atendidos pela entidade”, frisou.
Em nome dos patrocinadores, o vice-presidente da Cooperativa Languiru, Renato Kreimeier, falou do atual momento econômico. “Crises vêm e passam, e cada um deve fazer a sua parte para superar essas dificuldades. Atualmente, é o agronegócio que segura a balança comercial brasileira, nesse setor somos um país de primeiro mundo, com forte atuação no mercado internacional. Nesse contexto, o Fórum Tecnológico do Leite é relevante por dar valor a este importante produto para a economia e agricultura familiar na nossa região”, destacou, falando de um futuro promissor para a cadeia produtiva e classificando o leite gaúcho como o melhor e mais fiscalizado do país.
A presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Teutônia e Westfália, Liane Brackmann, falando em nome dos apoiadores do evento, igualmente enalteceu a importância do Fórum. “O evento promove a discussão e a reflexão sobre a produção leiteira, marcando as comemorações pelo Dia Estadual do Leite em Teutônia, data celebrada anualmente na terceira quarta-feira do mês de setembro, enaltecendo a importância da bebida para a população e incentivando o consumo do alimento. Leite é saúde, é alimento, é vida, por isso lutamos, juntos, pela viabilidade da atividade.”
O presidente da diretoria executiva da Fundação Agrícola Teutônia, entidade mantenedora do Colégio Teutônia, Silvério Brune, reforçou o valor das parcerias e o trabalho conjunto para o desenvolvimento da região. “O Colégio Teutônia historicamente tem sido o canal de entrada de novas tecnologias para o agronegócio da região. São 64 anos trabalhando com inovação e formação de profissionais técnicos, que ao ingressarem no mercado de trabalho, promovem o desenvolvimento e a evolução produtiva do agronegócio no Vale do Taquari.”

Temática e infraestrutura
Por fim, o coordenador do Fórum Tecnológico do Leite e da Feira Agro Comercial, Márcio Mügge, reafirmou os objetivos dos eventos. “O Fórum e a Feira são resultado da convergência de interesses e ações, trabalhando com ideias para o bem comum e que busquem promover o produtor rural. Com a programação indicada, buscamos levar qualidade e sustentabilidade à atividade leiteira, propondo soluções e inovações”, afirmou.
Com o tema “Eficiência na produção leiteira”, focado no processo produtivo das propriedades rurais, Mügge destacou que a cada edição uma nova temática é trabalhada, considerando o contexto do momento econômico da cadeia produtiva. “Eficiência é essencial em qualquer setor, por vezes, difícil de colocar em prática. Com o Fórum, procuramos propor novas e diferentes formas de atuar, com foco na viabilidade e agregação de valor às atividades desenvolvidas nas propriedades rurais.”
Mügge ainda apresentou detalhadamente a infraestrutura e a programação do evento, que terá como novidade nesta edição dias de campo que antecedem o Fórum propriamente dito, além de atividades consagradas em edições anteriores, como a Escolinha do Leite, em parceria com a Cooperativa Languiru, e o concurso de leite em metro.
Bastante diversificada, a programação busca envolver diferentes públicos, desde produtores rurais, profissionais técnicos, lideranças, estudantes, crianças e jovens, bem como a comunidade em geral.

Dias de campo
O primeiro dia de campo será no dia 16 de junho, das 14h às 16h30min, cujo foco serão as tecnologias de precisão (tratores, implementos e ordenhadeiras), com estações da Cooperativa Languiru, Samaq Massey Fergusson e Milkparts. No dia 21 de julho, também das 14h às 16h30min, o dia de campo destaca nutrição e qualidade do leite, com estações da Emater, Centro Regional de Treinamento de Agricultores (CERTA) e Colégio Teutônia. No dia 18 de agosto, no mesmo horário das edições anteriores, o dia de campo apresenta programa de criação de terneiros como opção complementar à atividade leiteira nas propriedades, ideia inovadora para geração de renda, com estação da Nutrifarma. Todas essas atividades ocorrem na Granja do Colégio Teutônia.
Ainda no dia 18 de agosto, das 17h30min às 21h, haverá mostra de trabalhos de iniciação científica dos estudantes dos cursos técnicos do Colégio Teutônia, trabalhos de sala de aula desenvolvidos com olhar prático para o dia a dia da agropecuária e do agronegócio. O evento ocorre no Auditório Central do educandário.
As inscrições para participar de toda programação são gratuitas. Mais informações podem ser obtidas pelo fone (51) 3762-4040, na Secretaria do CT, pelo site oficial do evento www.forumtecnologicodoleite.com.br e e-mails marcio@colegioteutonia.com.br e areatecnica@colegioteutonia.com.br.
O Fórum Tecnológico do Leite – 10ª Edição e a Feira Agro Comercial – 6ª Edição é uma realização do Colégio Teutônia, com o patrocínio das cooperativas Languiru, Certel e Sicredi, Nutrifarma/Nuscience, Du Pont/Pioneer e Prefeitura de Teutônia, com apoio de Emater-Ascar/RS, Governo do Estado do Rio Grande do Sul – Secretaria do Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo (SDR), Fetag-RS, Associação dos Engenheiros Agrônomos do Vale do Taquari (ASEAT), Regional Sindical Vale do Taquari e Centro de Apoio e Promoção da Agroecologia (CAPA).

Programação

21 de setembro de 2016 – Auditório Central do Colégio Teutônia – Dia Estadual do Leite

19h – Recepção, credenciamento e momento cultural
19h30min – Abertura Oficial do Fórum Tecnológico do Leite – 10ª edição
20h – Painel “Qualidade do leite, cenário e ações governamentais”.
Painelistas: Senar, Emater, Fetag, Sindilat, MDA e SDR
Público-alvo: profissionais da cadeira leiteira
22h – Encerramento das atividades do dia

22 de setembro de 2016
09h – Recepção, credenciamento e momento cultural
Local: Auditório Central do CT
09h às 11h – Escolinha do Leite
Local: Mini Auditório do CT
09h30min às 11h – Palestra “Forrageiras para integração lavoura pecuária”
Palestrante: professor e pesquisador Renato Serena Fontaneli
Público-alvo: profissionais da cadeia leiteira
Local: Auditório Central do CT
11h às 14h – Circuito de visitação à Feira Agro Comercial e Estações Temáticas, com a participação de agroindústrias
Público-alvo: profissionais da cadeia leiteira
Local: Estrutura interna do CT
14h – Painel “Sistemas de produção – relato de experiências”
Painelistas: produtores de leite da região nos sistemas a base de pasto, Free Stall (galpão de confinamento de animais em sistema de baia/cama individual) e Compost Barn (galpão de confinamento de animais em sistema de cama coletiva)
Mediação: pesquisador e consultor Lucildo Ahlert
Local: Auditório Central do CT
14h às 16h – Escolinha do Leite
Local: Mini Auditório do CT
16h – Concurso do leite em metro e sorteio de brindes
16h30min – Encerramento do Fórum Tecnológico do Leite – 10ª Edição e Feira Agro Comercial – 6ª Edição

Fonte: Leandro Augusto Hamester - AI/Colégio Teutônia

Email

GALERIA DE IMAGENS

INFORMAÇÕES AO CONSUMIDOR

Confira alguns benefícios disponibilizados pela Certel Energia.

CENTRAL DE SERVIÇOS

Acesse aqui a agência virtual da Certel Energia, e facilite o acesso a conteúdos relevantes sobre o fornecimento de energia elétrica.

ÁREAS DE ATUAÇÃO

A Certel está inserida em 47 municípios, dos quais 17 em sedes municipais, contemplando mais de 180 mil pessoas.

ATENDIMENTO

O Sistema FECOERGS é composto por 15 cooperativas de distribuição e geração de energia elétrica, atuando nas regiões de produção agropecuária do RS, na área rural de 358 municípios e 72 sedes municipais, beneficiando a mais de um milhão de gaúchos.

RECOMENDAÇÕES

Recomendações para o plantio de árvores perto da rede elétrica.


Certel


Certel - Todos os direitos reservados ® Brivia